Laboratório de Oceanografia Química
  • Mundo à Beira Mar – Feira de Ciências

    Publicado em 13/07/2017 às 13:38

    Sábado (08/07) houve a feira de ciência na EBB Padre Anchieta onde alunos apresentaram os resultados dos projetos em parceria com Mundo à Beira Mar: lixo (da casa ao oceano) e Ponta do Coral. Com Judy Rezende (prof Bio), outros queridos professores e alunos.

    Assista ao teaser do documentário sobre a Ponta do Coral – Um Mundo à Beira Mar:

    Continue a leitura » »


  • Carta da Jornada Sobre Acidificação dos Oceanos

    Publicado em 13/07/2017 às 11:35

    Resta apenas um minuto! O planeta terra surgiu a cerca de 4,6 bilhões de anos. Se colocarmos toda a evolução do planeta em um período de 46 anos, o homem surgiu a 4 horas. Da Revolução Industrial até aqui, último minuto da história recente da vida, fomos responsáveis pela transformação do planeta a ponto de produzirmos o Antropoceno – uma nova Época do planeta, marcado pela ação humana. Se mantermos o nosso modo de vida, com forte interferência na dinâmica da terra, a previsão é que resta apenas um minuto para resguardarmos o direito das gerações futuras de terem um ambiente saudável e equilibrado! Mas ainda dá tempo!

    Continue a leitura » »


  • Links importantes para estudo biogeoquímico

    Publicado em 17/03/2015 às 18:37

    Para calcular solubilidade de CO2 na água do mar, acesse página.

    References

    1. Duan ZH. and Sun R. (2003) An improved model calculating CO2 solubility in pure water and aqueous NaCl solutions from 273 to 533 K and from 0 to 2000 bar. Chem Geol. 193(3-4), 257-271.

    2. Duan ZH., Sun R., Zhu C., and Chou I. M. (2006) An improved model for the calculation of CO2 solubility in aqueous solutions containing Na+, K+, Ca2+, Mg2+, Cl-, and SO42. Marine Chem. 98(2-4), 131-139.


  • Bem vindo à página do Laboratório de Biogeoquímica Marinha da UFSC!

    Publicado em 24/03/2011 às 15:37

    A atividade humana nas áreas costeiras tem alterado o uso do solo e dos habitats naturais, modificando as taxas e os balanços dos processos biogeoquímicos. O despejos de efluentes domésticos e industrias, o uso de fertilizantes e a queimas de combustíveis fósseis aumentam a carga de nitrogênio, de fósforo e de carbono na interface continente-oceano, gerando a eutrofização “cultural”.

    A eutrofização tem causado anoxia nas águas costeiras, alterações nas comunidades fito- e zooplanctônicas, proliferação de macroalgas bênticas, perda da biodiversidade e do aumento na incidências de algas tóxicas, causando alteração da coloração das águas costeiras.

    Em uma perspectiva global, as zonas costeiras tem se apresentado como heterotróficas, considerando que uma maior quantidade de matéria orgânica tem sido acumulada e degradada ao invés de ser localmente produzida. Portanto, para o entendimento da ciclagem dos elementos biogênicos em ecossistemas costeiros necessita-se quantificar, em caráter temporal e espacial, os teores destes constituintes na coluna d’água e no sedimento, determinar as taxas de produção e mineralização da matéria orgânica, quantificar os fluxos destes elementos entre os diversos compartimentos do ecossistema e entre ambientes.